Uma cama cheia

25.11.16

Já tinha partilhado convosco que desde que o Baby FM nasceu dorme connosco, não que queiramos mas porque respeitamos o seu tempo, percebemos que ele ainda não esta preparado e que só assim consegue dormir de uma forma tranquila.

O mesmo não aconteceu com o T, que desde os 6 meses que dorme de uma forma autónoma no seu quarto entre 8 a 9 horas. (O sonho de quaisquer pais, não é verdade?)

Por vezes lá vem um pesadelo e chama por nós para lhe darmos o aconchego que precisa para continuar os seus sonhos.

Mas quando esta doentinho, ninguém o tira da nossa cama, a Mãe é para tudo. E que bem q

ue sabe saber que o T procura o meu colo quando esta mais frágil.

É assim que quero educar os meus filhos, quero que eles saibam que a Mãe estará sempre com eles, seja em que circunstâncias for.

Embora muitas vezes o cansaço aperte, porque aperta e muito, é tão bom tê-los ali quentinhos comigo, o Baby FM como lapa e o T a dar-me umas festinhas que só ele sabe dar.

Estes dias como o T têm estado doentinho, esta a precisar mais de mimo, as noites têm sido uma festa. A cama acaba por ser pequena para nós os 4, assim dormimos ainda mais quentinhos e que bem que sabe.

O T chega a acordar durante a noite, senta-se e manda-se para cima de mim. Que querido!

Lembro-me de dormir com os meus pais sempre que precisava e que boas memórias tenho dessas noites, não havia cama melhor que a dos meus pais e é assim que quero que os meus filhos se lembrem das noites todos juntos em família.

Não creio que permitir que filhos durmam com os pais seja falta de educação ou de regras, para mim apenas significa uma coisa, Amor.

Não tenho medo em lhes dar amor e todo o mimo que precisarem pois acima de tudo quero criar adultos felizes.




Acompanhem-nos também pelo Instagram: @tomas_my_special_baby








2 comentários:

  1. Andreia minha querida, AMOR mais nunca fez mal a ninguém, agora a menos isso sim, deixa sequelas para a vida toda. Continue sempre assim. As melhoras do baby T e beijinhos para todos.

    ResponderEliminar