Últimos dias a quatro

19.5.19
Fugimos!!

Estas últimas semanas têm sido particularmente difíceis, cheias de coisas para fazer e organizar.

O tempo com eles tem sido menor e o que vem a seguir ainda será pior.

Um bebé traz sempre uma nova logística familiar e por mais cuidados que tenha a minha atenção será sempre menor para com eles.

Por isso decidimos largar tudo e voltar a onde já fomos muito felizes, ao Aquashow Park Hotel. Faz precisamente quase um ano que aqui tivemos e foi sem dúvida um hotel que nos deixou com vontade de voltar.

Um hotel pensado a 100% nas crianças, onde mais que os adultos importam as crianças.

Chegámos à pouco e eles já deram a volta completa ao hotel.

Estão felizes e nós também por termos estes dois dias só para eles longe de tudo.

Amanhã vamos ao Aquashow e será certamente um dia intenso!!

Voltamos terça

Até já





Truques para aliviar a episiotomia

16.5.19
35 semanas de um amor que não para de crescer.

Nunca vivi uma gravidez tão veloz. Ainda sem as malas prontas mas com quase tudo preparado para receber a nossa primeira filha.

Começamos a estar ansiosos com a sua chegada, com curiosidade de como ela será e até de como os manos vão reagir a esta boneca que será deles para sempre.



O T nasceu às 37 semanas e o FM às 40, dois extremos, que nos deixam ainda numa maior incerteza de saber como será desta vez.

O que é certo é que a partir das 37 semanas tudo pode acontecer e já só me falta uma semana e meia para ultimar os últimos pormenores, depois é esperar pelo tempo da MC.

As minhas camisas de dormir e as suas primeiras roupas já estão praticamente pensadas tal como muitas coisas que são necessárias, prometo que depois escrevo-vos o que vou levar na mala da maternidade.

No outro dia aqui falei-vos dos preservativos congelados que utilizo para ajudar a acalmar a
zona íntima quando levamos os pontos.

É uma técnica óptima e muito eficaz. Confesso que este ano não comprei preservativos, utilizei aquelas luvas de latex, o que fiz foi encher de água e congelar. O efeito é o mesmo e escusei de gastar dinheiro em algo que não irei usar.



Os pontos nesta zona acabam por nos incomodar nos primeiros dias, é uma sensação desconfortável, com ardor e o preservativo ou a luva ajudam a acalmar.

O ideal é ter mais que um feito porque à medida que usamos vai descongelando e assim vamos alternando entre um e outro.

Outras dicas para ajudar a aliviar a dor e o desconforto da epiosotomia:
  • Usar uma almofada com um buraco no meio, uma bóia ou mesmo uma almofada de amamentação para que ao sentar não pressione a episiotomia, aliviando assim a dor.
  • Secar a região íntima, sem esfregar ou pressionar.
  • Limparmos com água a região íntima enquanto fazemos xixi pois a acidez da urina em contato com a episiotomia pode provocar ardor.
Contudo é preciso ter alguns cuidados para evitar as infeções:
  • Usar cuecas de algodão ou descartável para a pele respirar
  • Lavar as mãos antes e depois de usar a casa de banho
  • Usar produtos de higiene íntima com pH neutro
  • Evitar esforços e andar muito








Dia da Família

15.5.19
Hoje é o dia da Família, não que não seja todos os dias mas este dia de alguma forma lembra o seu significado.

Felizmente posso afirmar que tenho a melhor família que podia ter. Acima de tudo é unida e com bases sólidas que nos dá aquele conforto para continuarmos a levar a vida de uma forma feliz e sem grandes reticências.

Acredito que é a estrutura familiar que nos equilibra emocionalmente.

Nem todos os dias são fáceis, nem sempre concordamos uns com os outros, mas o importante é que no fim lutemos todos por todos.

Só assim a vida faz sentido, pelo menos para mim.

Em breve esta família vai receber um novo elemento, vai reestruturar-se mas vai ficar ainda mais completa.




Um Babyshower campestre e intimista

14.5.19
Para o Babyshower da MC e por já me sentir muito cansada optei por fazer algo mais intimista.

Quando falei com a Ana, da Chan Events Planner, expliquei-lhe a minha ideia, queria algo simples, em que a cor predominante fosse o inevitável rosa, as madeiras a lembrar o campo, flores e outros pormenores que marcassem um estilo Boho Chic.

Numa reunião rápida a Ana percebeu toda a minha ideia e quando me preparou todo aquele cenário superou largamente as minhas expectativas.



Um dos elementos chave da mesa e que fez a diferença foram estes frascos feitos à mão em macramé. Foram utilizados para meter as velas e para mim foram a peça da mesa. São da Maria Pitanga









Por opção foi um lanche só para as minhas amigas, onde os homens não entraram, nem os meus filhos. Queria acima de tudo viver o momento com as mulheres que considero serem importantes para mim.

O novo Quarto

13.5.19
No primeiro ano a MC vai dormir connosco por isso a prioridade não foi criar um quarto de menina mas sim reformular um quarto de brincar.

Foi pensado para eles e para ela. Foram várias as pesquisas que fiz até chegar ao projeto final.

O objetivo era eliminar cor, reduzir ruído, criar um ambiente tranquilo e harmonioso para que eles tivessem o seu espaço para brincarem e serem crianças de uma forma o mais descontraída possível.

Vai haver um espaço para brincar, para pintar e até para desenhar.

Os móveis de cor branca foram substituídos pelo pinho dando um ar mais tranquilo ao espaço.

Foi posto um papel de parede neutro, pintadas as paredes de branco e deixei os tecidos darem alma e identidade ao quarto.

Ainda faltam as ultimas afinações mas em breve mostro-vos o nosso espaço deles.


É hoje!

11.5.19
Ponderei fazer Babyshower porque tinha tido a festinha do FM há pouco tempo e confesso que já estou numa fase em que me sinto muito pesada e com alguma falta de energia. A terceira gravidez tem destas coisas.

Mas se por um lado achava que não iria conseguir fazer por outro queria assinalar a data. Falei com a Ana, da Chan Events Planner apresentei-lhe as minhas ideias e prontamente assumiu o comando do Babyshower.

Um dia com um sol fantástico, com calor à mistura e uma mesa pensada ao pormenor para as mulheres que fazem parte da minha vida.

Este foi o convite e tudo passará por estas cores. Acompanhem tudo pelo Instagram.

Até já


Um projeto com nome - Tomás

9.5.19
A vida é feita de desafios, de oportunidades e de objetivos sejam eles profissionais ou pessoais.

Somos nós os responsáveis pelo nosso caminho, há sempre forma de fazer mais e melhor, de recuar e de avançar as vezes que quisermos.

Tenho como certo que a nossa vida já vem parte planeada mas cabe a nós traçarmos esse caminho com o nosso ritmo.

Quando o T nasceu disse que ele tinha vindo por algum motivo, que não tinha sido por acaso, era porque tinha de ser meu pois tudo o que nos acontece tem uma justificação, mesmo que não a queiramos sentir.

Sabia que essa justificação ia demorar  meses ou até anos, confesso que não a procurei, tinha como certo que as respostas chegariam no seu tempo.

Quatro anos e meio depois encontrei a resposta e foi essa mesmo resposta que me fez avançar num projeto pensado com alma, com um grande objetivo de dar o meu melhor a tantas famílias que enfrentam a realidade da "diferença", do mundo das terapias e de tudo o que implica.

Ao longo destes anos cruzei-me com as pessoas certas, talvez porque as tenha procurado e nunca tenha desistido do que queria. Dar o melhor ao meu filho foi sempre o meu objetivo e isso só era possível com capital humano.

Por isso em breve irá nascer um projeto pensado de mãe para mãe, com uma equipa especializada em dar o melhor aos seus filhos.

Para ser sincera, a semanas de nascer a MC este nunca seria o timing certo, mas as coisas rumaram nesse sentido e cabia a mim agarrar ou não esta oportunidade.

Tenho a certeza que não vai ser fácil conciliar dois bebés que irão precisar 100% de mim mas com estrutura familiar e as pessoas certas vou conseguir.

Um projeto que por detrás de tudo terá um nome, Tomás!