Últimos dias a quatro

19.5.19
Fugimos!!

Estas últimas semanas têm sido particularmente difíceis, cheias de coisas para fazer e organizar.

O tempo com eles tem sido menor e o que vem a seguir ainda será pior.

Um bebé traz sempre uma nova logística familiar e por mais cuidados que tenha a minha atenção será sempre menor para com eles.

Por isso decidimos largar tudo e voltar a onde já fomos muito felizes, ao Aquashow Park Hotel. Faz precisamente quase um ano que aqui tivemos e foi sem dúvida um hotel que nos deixou com vontade de voltar.

Um hotel pensado a 100% nas crianças, onde mais que os adultos importam as crianças.

Chegámos à pouco e eles já deram a volta completa ao hotel.

Estão felizes e nós também por termos estes dois dias só para eles longe de tudo.

Amanhã vamos ao Aquashow e será certamente um dia intenso!!

Voltamos terça

Até já





Truques para aliviar a episiotomia

16.5.19
35 semanas de um amor que não para de crescer.

Nunca vivi uma gravidez tão veloz. Ainda sem as malas prontas mas com quase tudo preparado para receber a nossa primeira filha.

Começamos a estar ansiosos com a sua chegada, com curiosidade de como ela será e até de como os manos vão reagir a esta boneca que será deles para sempre.



O T nasceu às 37 semanas e o FM às 40, dois extremos, que nos deixam ainda numa maior incerteza de saber como será desta vez.

O que é certo é que a partir das 37 semanas tudo pode acontecer e já só me falta uma semana e meia para ultimar os últimos pormenores, depois é esperar pelo tempo da MC.

As minhas camisas de dormir e as suas primeiras roupas já estão praticamente pensadas tal como muitas coisas que são necessárias, prometo que depois escrevo-vos o que vou levar na mala da maternidade.

No outro dia aqui falei-vos dos preservativos congelados que utilizo para ajudar a acalmar a
zona íntima quando levamos os pontos.

É uma técnica óptima e muito eficaz. Confesso que este ano não comprei preservativos, utilizei aquelas luvas de latex, o que fiz foi encher de água e congelar. O efeito é o mesmo e escusei de gastar dinheiro em algo que não irei usar.



Os pontos nesta zona acabam por nos incomodar nos primeiros dias, é uma sensação desconfortável, com ardor e o preservativo ou a luva ajudam a acalmar.

O ideal é ter mais que um feito porque à medida que usamos vai descongelando e assim vamos alternando entre um e outro.

Outras dicas para ajudar a aliviar a dor e o desconforto da epiosotomia:
  • Usar uma almofada com um buraco no meio, uma bóia ou mesmo uma almofada de amamentação para que ao sentar não pressione a episiotomia, aliviando assim a dor.
  • Secar a região íntima, sem esfregar ou pressionar.
  • Limparmos com água a região íntima enquanto fazemos xixi pois a acidez da urina em contato com a episiotomia pode provocar ardor.
Contudo é preciso ter alguns cuidados para evitar as infeções:
  • Usar cuecas de algodão ou descartável para a pele respirar
  • Lavar as mãos antes e depois de usar a casa de banho
  • Usar produtos de higiene íntima com pH neutro
  • Evitar esforços e andar muito








Dia da Família

15.5.19
Hoje é o dia da Família, não que não seja todos os dias mas este dia de alguma forma lembra o seu significado.

Felizmente posso afirmar que tenho a melhor família que podia ter. Acima de tudo é unida e com bases sólidas que nos dá aquele conforto para continuarmos a levar a vida de uma forma feliz e sem grandes reticências.

Acredito que é a estrutura familiar que nos equilibra emocionalmente.

Nem todos os dias são fáceis, nem sempre concordamos uns com os outros, mas o importante é que no fim lutemos todos por todos.

Só assim a vida faz sentido, pelo menos para mim.

Em breve esta família vai receber um novo elemento, vai reestruturar-se mas vai ficar ainda mais completa.




Um Babyshower campestre e intimista

14.5.19
Para o Babyshower da MC e por já me sentir muito cansada optei por fazer algo mais intimista.

Quando falei com a Ana, da Chan Events Planner, expliquei-lhe a minha ideia, queria algo simples, em que a cor predominante fosse o inevitável rosa, as madeiras a lembrar o campo, flores e outros pormenores que marcassem um estilo Boho Chic.

Numa reunião rápida a Ana percebeu toda a minha ideia e quando me preparou todo aquele cenário superou largamente as minhas expectativas.



Um dos elementos chave da mesa e que fez a diferença foram estes frascos feitos à mão em macramé. Foram utilizados para meter as velas e para mim foram a peça da mesa. São da Maria Pitanga









Por opção foi um lanche só para as minhas amigas, onde os homens não entraram, nem os meus filhos. Queria acima de tudo viver o momento com as mulheres que considero serem importantes para mim.

O novo Quarto

13.5.19
No primeiro ano a MC vai dormir connosco por isso a prioridade não foi criar um quarto de menina mas sim reformular um quarto de brincar.

Foi pensado para eles e para ela. Foram várias as pesquisas que fiz até chegar ao projeto final.

O objetivo era eliminar cor, reduzir ruído, criar um ambiente tranquilo e harmonioso para que eles tivessem o seu espaço para brincarem e serem crianças de uma forma o mais descontraída possível.

Vai haver um espaço para brincar, para pintar e até para desenhar.

Os móveis de cor branca foram substituídos pelo pinho dando um ar mais tranquilo ao espaço.

Foi posto um papel de parede neutro, pintadas as paredes de branco e deixei os tecidos darem alma e identidade ao quarto.

Ainda faltam as ultimas afinações mas em breve mostro-vos o nosso espaço deles.


É hoje!

11.5.19
Ponderei fazer Babyshower porque tinha tido a festinha do FM há pouco tempo e confesso que já estou numa fase em que me sinto muito pesada e com alguma falta de energia. A terceira gravidez tem destas coisas.

Mas se por um lado achava que não iria conseguir fazer por outro queria assinalar a data. Falei com a Ana, da Chan Events Planner apresentei-lhe as minhas ideias e prontamente assumiu o comando do Babyshower.

Um dia com um sol fantástico, com calor à mistura e uma mesa pensada ao pormenor para as mulheres que fazem parte da minha vida.

Este foi o convite e tudo passará por estas cores. Acompanhem tudo pelo Instagram.

Até já


Um projeto com nome - Tomás

9.5.19
A vida é feita de desafios, de oportunidades e de objetivos sejam eles profissionais ou pessoais.

Somos nós os responsáveis pelo nosso caminho, há sempre forma de fazer mais e melhor, de recuar e de avançar as vezes que quisermos.

Tenho como certo que a nossa vida já vem parte planeada mas cabe a nós traçarmos esse caminho com o nosso ritmo.

Quando o T nasceu disse que ele tinha vindo por algum motivo, que não tinha sido por acaso, era porque tinha de ser meu pois tudo o que nos acontece tem uma justificação, mesmo que não a queiramos sentir.

Sabia que essa justificação ia demorar  meses ou até anos, confesso que não a procurei, tinha como certo que as respostas chegariam no seu tempo.

Quatro anos e meio depois encontrei a resposta e foi essa mesmo resposta que me fez avançar num projeto pensado com alma, com um grande objetivo de dar o meu melhor a tantas famílias que enfrentam a realidade da "diferença", do mundo das terapias e de tudo o que implica.

Ao longo destes anos cruzei-me com as pessoas certas, talvez porque as tenha procurado e nunca tenha desistido do que queria. Dar o melhor ao meu filho foi sempre o meu objetivo e isso só era possível com capital humano.

Por isso em breve irá nascer um projeto pensado de mãe para mãe, com uma equipa especializada em dar o melhor aos seus filhos.

Para ser sincera, a semanas de nascer a MC este nunca seria o timing certo, mas as coisas rumaram nesse sentido e cabia a mim agarrar ou não esta oportunidade.

Tenho a certeza que não vai ser fácil conciliar dois bebés que irão precisar 100% de mim mas com estrutura familiar e as pessoas certas vou conseguir.

Um projeto que por detrás de tudo terá um nome, Tomás!






A nossa mala também é importante

8.5.19
A mala da maternidade que se fala mais é a do nosso filho e muitas vezes esquecemo-nos da nossa e o quanto ela é importante para a nossa auto estima.

A nossa é tão importante como a do nosso filho pois precisamos de nos sentir bem e confiantes para podermos abraçar com a maior força o nosso filho quando o virmos.

Não descuro nada, gosto de me sentir bem naquele dia que é sempre um dos mais importantes da minha vida.

Gosto de estar maquilhada (aquela maquilhagem básica, uma base para dar cor e um blush), de ter as mãos arranjadas, mesmo que não estejam pintadas com uma cor forte, gosto de estrear uma camisa de dormir e de ter o cabelo lavado.

Coisas pequenas mas que fazem a diferença na nosso auto estima, sim porque aquela barriga "gelatinosa" é grande o suficiente para nos deitar a baixo em três tempos por isso temos de arranjar forma de nos sentirmos novamente bonitas.

Além de que é sempre bom recebermos as visitas de uma forma cuidada.

Quero que seja registado o momento e que daqui a 20 anos goste de me ver nas fotografias.

A minha mala ainda não está feita, irei fazer as duas ao mesmo tempos mas já comecei a preparar tudo para que não me falte nada.

Partilho convosco o que nunca deve faltar na nossa mala:
  • 2 camisas de noite (Para o caso de se sujar)
  • Roupão
  • Chinelos de quarto
  • Chinelos para o banho
  • Secador
  • Maquilhagem 
  • Saco para a roupa suja
  • Creme para os mamilos (Eu usei sempre o Purelan)
  • 2 Soutiens de amamentação
  • Discos protectores ou conchas. Gosto mais dos discos mas as conchas são óptimas para quando temos as maminhas mais sensíveis)
  • Escova de cabelo + elástico
  • Cuecas descartáveis absorventes (se for um parto normal deitamos algum sangue e assim garantimos que não sujamos a roupa, além de que nos sentimos mais confortáveis)
  • Necessaire com: escova e pasta de dentes, shampoo, gel de banho, desodorizante e creme para estrias e hidratante
  • Perfume
  • Máquina fotográfica - não se esqueçam de a carregar. Os telemóveis são ótimos mas há imagens que só uma máquina consegue registar com a qualidade necessária.
  • Carregador para o telemóvel 
  • Lenços de papel
  • Exames e relatórios feitos 
  • Boletim individual da grávida 
  • Muda de roupa para a saída da maternidade 
  • Garrafa de água + Snack
Depois dependendo se é privado ou público é preciso levar: Toalha de banho e de rosto. Há Hospitais que também já têm shampoo e gel de banho.

Quando chegamos a casa devemos garantir que temos um saco condensador de frio para ajudar na subida de leite e preservativos congelados para ajudar a acalmar a zona íntima no caso de um parto normal.

E se prepararmos a despensa e o congelador com refeições pré-feitas também ajudará nos primeiros tempos.

37 Semanas do Francisquinho Maria 






Em contagem decrescente

7.5.19
A semana passada fui à minha consulta de rotina e quando a enfermeira começou a falar das roupas, da mala da maternidade e afins a minha cabeça começou a fervilhar.

Depois já no gabinete do médico foram marcadas as últimas consultas e os CTG's e aí foi quase como um murro no estômago, "como assim já está no fim?". Confesso que ainda não estava preparada para esta recta final.

Não que não soubesse as semanas em que estava mas ainda via o meu parto longe. É sempre uma sensação esquisita quando entramos na contagem decrescente.

É a curiosidade para vermos o nosso filho pela primeira vez, são as preocupações sobre o parto, é a consciência que em breve vamos nascer como mãe e família, são os últimos preparativos, é a ansiedade, são os medos, é a nostalgia e uma felicidade desmedida tudo junto num só.

Não quis perder mais tempo, não que tenha indícios de um parto prematuro mas não quero de todo que a minha filha nasça sem eu estar minimamente preparada.

Estes dias tenho feito as últimas compras para a MC e para mim. Cortei todas as etiquetas, que continuo sem perceber o porquê da sua quantidade pois ninguém as lê e só servem mesmo para isso para as cortar.

A roupa foi entregue à minha avó que faço questão que seja ela a tratar das primeiras roupas da sua terceira bisneta. Além de que não existem mãos como aquelas. São mãos com alma.

Entretanto a cómoda já está vazia para receber todas as suas roupas e a dos irmãos passou para o roupeiro principal do quarto.

Cabides | Zara Home
Sapatos | Pés de Cereja 


O berço, a mala da maternidade serão as próximas etapas.

Descomplicar

6.5.19
Quando estamos grávidas temos de adaptar a nossa roupa ao nosso corpo que está em constante mudança.

Gosto de usar vestidos ao longo do ano mas quando estou grávida torna-se mesmo a minha roupa de eleição.

Este vestido é da nova coleção da Trendy Bazaar e além de ser versátil, vai acompanhar-me na fase final da gravidez e vai ser um óptimo aliado para a amamentação pois tem botões na zona do peito.

Nesta fase não me preocupo tanto com a barriga mas sim com o pós parto, que vai implicar uma roupa leve e que seja prática para a amamentação.

Entretanto já conto com uns valentes kilos a mais, nada que me preocupe pois quero acreditar que voltarei a vestir as minhas calças de antigamente.

O truque nesta fase é descomplicar e não viver a mudança do nosso corpo como um drama.







Trendy Bazaar



E estes ganchos giros que fazem a diferença na hora de vestir.
Também são da Trendy Bazaar

Nota-se muito que sou mãe? Estes fios são da Missy M

Feliz Dia da Mãe

5.5.19
Hoje o dia é nosso!!

Não que não seja todos os dias, mas hoje é o dia de dimensionar o quanto a palavra mãe significa.

Mãe é amar incondicionalmente, é sentir por dois, chorar por dois, é rir por dois e amar por nós e por eles.

É vivermos para eles não esquecendo o nosso eu, é lutarmos por eles até nos faltarem as forças e as lágrimas se transformarem em sangue.

Somos nós que curamos com um abraço e acalmamos qualquer inquietude com um beijo.

Somos nós que damos esperança por um mundo melhor!!

Somos nós as verdadeiras mães leoas!

Feliz Dia para todas as mães e um beijinho especial para quem já não pode contar com este abraço tão forte que só uma mãe sabe dar.



Boy's Look | Puro Mimo
Carneiras | Pés de Cereja
Mum's Look | Mahrla 



Flores | My Flower Box
Fotografia | Cv Love







A segurança é o mais importante

2.5.19
Mudámos de cadeiras!

Das coisas que me ficou mais presente no curso de preparação para o parto foi a segurança rodoviária e se houve coisa que não abri mão foi disso.

Comprei o ovo e este passou exclusivamente pelos meus três filhos, não emprestei a ninguém. E aqui não foi má vontade pois quem me conhece sabe que empresto tudo, mas o ovo é de uma responsabilidade enorme e uma simples queda pode inutilizá-lo para sempre mesmo parecendo a olho nu que está em óptimo estado. Por isso aconselho vivamente que invistam e não comprem este tipo de produtos em segunda mão. Nunca sabemos como as coisas são tratadas e nas cadeiras auto e no ovo o interior é crucial comparativamente ao exterior.

É um conselho que me foi passado e que me faz todo o sentido por isso vos passo.

Outra das coisas que fui muito exigente foi na contra margem, o que as normas de segurança dizem é que as crianças devem ir no sentido contra a marcha até o máximo possível, sendo que o ideal é até aos 4 anos pois quando a criança vai nesse sentido a cadeira absorve o impacto protegendo a cabeça, o pescoço e a coluna da criança. Esta forma é 73% mais segura do que se fosse a favor da marcha isto porque a cabeça até aos 4 anos é mais pesada que o corpo.

Orgulho-me que o T tenha cumprido os requisitos dos 4 anos em contra a marcha, nunca estranhou pois também não conhecia outra realidade.
O FM mudou antes, com quase três anos (com pena minha) mas o meu marido não achou por bem ter um contra e o outro a favor da marcha. Achou que o FM não iria querer. Por um lado achei que tinha razão mas por outro como não experimentámos também nunca soubemos.

Quis alterar as cadeiras ao mesmo tempo e não me opus.




A escolha das cadeiras nunca é fácil, é preciso estudar as mais seguras, as que se adequam ao nosso dia a dia e até ao nosso carro.

No nosso segundo carro já tínhamos uma cadeira da Bébé Confort, a AxisssFix Air e não podia estar mais satisfeita. São fáceis de montar, que passam por vários testes até saírem para o mercado, são homologadas e confortáveis.
Têm todos os requisitos importantes para uma cadeira!!

Por isso a Bébé Confort foi a nossa primeira opção para a mudança. Optámos pelas:





Claro que eles adoraram a mudança e andam todos satisfeitos com as suas cadeiras novas. São mais estreitas que as anteriores o que nos dá um maior espaço no carro, utilizamos os cintos do carro o que também torna tudo mais simples e prático. 

Nas cores, embora não falte variedade, opto sempre pelas escuras, para evitar as sujidades e porque gosto de cores mais discretas.

E assim o carro começa a preparar-se para a chegada de um novo elemento e nos mostra que os nossos filhos estão a crescer a uma velocidades veloz.








Sugestões para o Dia da Mãe

30.4.19
Embora o Dia da Mãe seja todos os dias, o próximo Domingo é mais especial pois é o dia em que valorizamos de outra forma esta palavra tão pequenina e tão forte.

É o dia de nos sentarmos à mesa com as nossas mães e com os nossos filhos e de brindarmos a este amor tão verdadeiro e puro.

Não que ache que seja obrigatório oferecer alguma coisa pois o dia da Mãe é muito mais que qualquer presente mas deixo-vos algumas sugestões com significado e que eu gostava de receber (Dica para o marido)

1. Chilli Baby 2. My Flower Box 3. Renova 4. Telma Mota Jewellery by Mu Blog 5. Jaybee Jewelry by Maria Ana Ferro 6. Dudubaz


A festa mais doce do Ano

29.4.19
Pela primeira vez não foi difícil escolher o tema, quando pensei nos gostos do FM lembrei-me de imediato de tudo o que envolvia doces, gomas, pipocas e afins.

E foi assim que apresentei a minha ideia à Ana da Chan Events Planner, ao qual se mostrou receptiva de imediato.

A Ana já tinha feito o estacionário da primeira festinha do T e desde aí que ficou sempre a vontade de voltarmos a "trabalhar" juntas. Até que chegou a oportunidade e lembrei-me de imediato da Ana, de sorriso fácil e sempre pronta para proporcionar o melhor.

Confesso com 32 semanas a energia já não é a mesma e a ajuda da Ana foi mesmo crucial para o sucesso desta festa. Passei-lhe as minhas ideias, as cores que gosto e o que queria que se sentisse na festa e ela conseguiu superar largamente as minhas expectativas.

Alinhámos e desalinhámos várias vezes a festa pelo whatsapp até que no dia a Ana e o seu marido montaram uma festa de sonho! Estava melhor que os meus sonhos, com cores bonitas e que transmitiam alegria.

Look | Trendy Bazaar




O bolo tinha de ser feito pela querida Ana, do Bolos da Aninhas. É uma pessoa a quem confio a 100%. Só lhe disse o tema e as duas Anas trataram do resto. Cada vez mais o bolo tem um grande peso na mesa, arrisco mesmo a dizer que tudo se passa à volta dele.



E aqui é confiar nas mãos de quem sabe, e nos Bolos das Aninhas é qualidade e criatividade assegurada.

Outra das surpresas foram as bolachinhas do Açúcar Polvilhado que estavam tão perfeitas que até custava comer. Nunca vi perfeição igual...que dom! E os Macarons 100% artesanais fizeram as delícias dos pequenos e dos graúdos, já para não falar que cada vez que via o FM ele estava com um na boca. Eram deliciosos e super perfeitinhos.


Só de pensar neles fico a babar!