A nossa casa nunca mais será a mesma

30.9.18
“Mãe não chores mais porque se continuares eu também vou chorar.
Mas sabes filha custa ver-te sair de casa porque nunca mais será a mesma coisa.
Mãe não digas isso, sai um, entram dois, mas filha é diferente... Esta casa nunca mais será a mesma. 

Não vou ter-te ao deitar, ao acordar, ao meio da noite... O teu cheiro, a teu sorriso quando chego a casa, o teu mau feitio quando és contrariada"

Respirámos fundo! Suspirámos as duas...demos a mão. E pediu-me para ser feliz.

Depois de um chá feito pela sua mão pedi-lhe autorização para fumar um cigarro à janela da cozinha e ali ficou a fazer-me companhia.
Despediu-se de mim com a certeza que aquela casa nunca mais seria a mesma e tinha razão, uma mãe nunca se engana.




Sem comentários:

Publicar um comentário