Até Velhinhos

14.2.21

Tem dias que discutimos, que descordamos e que nem nos podemos ver à frente mas quando o mundo treme é nos braços um do outro que nos reencontramos.

São as suas palavras sábias que me acalmam e o seu jeito de menino que me faz viajar em pleno nos nossos sonhamos.

Vivi com ele os meus melhores e piores dias e foi isso que nos tornou fortes.

Já construímos um império, já desbravámos caminhos nas trevas, já ficamos sem dormir, já chorámos abraçados,  já vivemos histórias de um verdadeiro conto de fadas, já festejamos, já dançamos até ao amanhecer e já nos perdemos um no outro.

Um amor sem fim e sem igual.

O meu eterno namorado! E que sorte eu tenho de o ter ao meu lado.

Até velhinhos!

Feliz Dia dos Namorados 





Sem comentários:

Publicar um comentário