Bandas Neuromusculares

8.3.16

Muitas vezes dou por mim em pesquisas para saber mais e mais.. Parece que não quero que me falhe nenhuma terapia, nenhum método para o desenvolvimento do T.

Cada dia que passa sinto que ele é mesmo um bebé especial, não pelos olhos "achinesados" mas sim por um áurea tão mágica que ele transmite..

Não consigo explicar aquele olhar, aquele sorriso, aquela gargalhada, ou até aquela lágrima "fiteira".

E no meio das minhas pesquisas encontrei mais uma solução que achei que seria boa de experimentar, as bandas neuromusculares.

Tentei saber onde podia comprar e disseram-me que era aplicado pela terapeuta da fala. No imediato falei com a terapeuta do T, a Dra.AC que se disponibilizou de imediato para me explicar mais sobre esta técnica, assim como aplicá-la.

O objetivo de colocar as bandas em toda a boca é para estimular toda a musculatura dos lábios, para que se promova o encerramento dos lábios. Basicamente é transmitir ao cérebro, informação para que os lábios se mantenham fechados.

As bandas também servem para ajudar o excesso de baba, que não é aplicado ao T.

Além de muitas lutas, esta tem sido a mais difícil de ganhar... O T insiste em estar de boca aberta, projectando a língua para fora..por mais que insista para que ele a mantenha fechada..

Espero que esta técnica resulte com o T e que chegue toda a informação suficiente ao cérebro para que ele comece a ter a sua boquinha mais fechada.

Ele é bonito de todas as maneiras, mas confesso que ainda fica mais bonito de boca fechada!!

Agora é esperar que tenha os resultados esperados!!





5 comentários:

  1. Olá Andreia, uma coisa que ajudou muito o meu filho (hoje com 14 anos) foi a terapeuta da fala passar gelo na ponta da língua,no início da sessão. Fazia com que ele retraísse a língua para dentro. Os nossos meninos não têm a língua maior, a boca deles é que é mais pequena e como consequência a língua tende a fica de fora. Eles são lindos de qualquer maneira, sem dúvida! Eu até achava piada ao meu filho quando era assim pequeno, que "chuchava" na própria língua, ele nunca usou chucha, deitava fora.
    Outra coisa que fazíamos era dar pequenas palmadinhas na boca e dizer para ele meter a língua para dentro, eles vão acabando por se habituar. Às vezes já bastava só olha para ele e dizer "Tiago, a língua" e ele "arrumava-a" dentro da boca :-)
    Quando estão constipados, em que têm dificuldades em respirar, é mais difícil manter a língua dentro da boca, mas é temporário.
    Gosto muito de vos acompanhar, sempre que vejo fotos do baby T*, faz me lembrar o meu rapagão quando era pequeno... não me leve a mal a comparação, eles são únicos e têm tanto do pai como da mãe, mas as características físicas comuns que os nossos meninos têm, faz me lembrar muito o meu filhote quando era pequeno.
    Desejo vos tudo de bom agora com a chegada do mano. Nós também demos um mano ao Tiago, têm diferença de quase 4 anos, mas são muito amigos e o irmão é muito protetor do Tiago.

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Maria Osório pela sua experiência!! Vou então experimentar essa técnica!! Obrigada pelas suas palavras e conselhos.
      Um beijinho para vocês

      Eliminar
  2. Lindo de todas as maneiras mesmo. Vai ter os resultados esperados. <3

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar